Sanfil Medicina 70 Anos: A Humanização da saúde “é uma forma natural de ser e de agir” 

Com a missão de cuidar do utente, para recuperar e reabilitar, a Sanfil Medicina tem centrado a sua ação na pessoa, prestando-lhe um apoio integral. Vários investimentos têm sido feitos para esse mesmo fim. 

A generalidade das pessoas que procuram ajuda junto das instituições de saúde fazem-no em situações de carência, fragilidade ou dúvida. Cabe aos profissionais do setor compreender as suas necessidades, escutar e procurar, no limite da ciência e da tecnologia, dar resposta aos seus anseios, orientando-os clinicamente. É assim que o Grupo Global Health Company (GHC), do qual a Sanfil Medicina faz parte, encara a humanização dos cuidados de saúde.

«A saúde é uma atividade de pessoas, para pessoas e, com pessoas. Por isso, a humanização da saúde não é uma ideia, ou uma forma moderna de ver o tema, mas a forma natural de ser e de agir. Há 70 anos que o colocamos em prática, quer com os nossos profissionais, como com aqueles que colocam a sua saúde no centro da nossa atenção», afiançam os seus responsáveis. Humanizar a saúde não é mais que «respeitar o paciente e tratar os outros como gostaríamos de ser tratados», enaltecem, reconhecendo que na Sanfil Medicina existem de facto «as condições para prestar um apoio integral à pessoa», dispondo, para o efeito, «de uma resposta integrada da saúde que permite observar o utente em consulta, realizar imediatamente os exames e meios de diagnóstico que o médico considerar necessários, identificar as carências de saúde e orientar o tratamento, se necessário, com o apoio de várias especialidades clínicas e com as várias tecnologias ao dispor da saúde».

Ao utente é garantido esse «acompanhamento todos os dias» nos serviços da Sanfil Medicina. «Dado o espectro alargado de áreas da saúde que abrangemos, podemos não só ver o paciente em todas as dimensões da sua realidade, como dar resposta às várias necessidades que apresente e relate. A dor, seja ela de que forma for ou se manifestar, não é por nós tolerada, tal como não tem que ser tolerada pelos nossos utentes. O objetivo é sempre cuidar, para recuperar e reabilitar, dando ao utente o conforto que merece», esclarecem. 

Processos centrados no utente 

No âmbito da missão assumida pelo Grupo, a Global Health Company, holding que integra, além da Sanfil Medicina, a Nefrovida (Hemodiálise) e a Diaton (Radiologia e Medicina Nuclear), tem os seus processos assentes e centrados no utente, mesmo antes do primeiro momento em que este contacta com qualquer uma das unidades. «Procuramos antecipar de que forma podemos responder precocemente e prevenir a doença, como são exemplos a consulta do rim (Nefrovida) e as consultas de acompanhamento na área da Medicina Dentária», explicam.

Todo o percurso do utente é acompanhado internamente, envolvendo todos os profissionais e meios necessários em torno das suas necessidades, com as unidades de saúde do Grupo atentas não só à causa que originou o contacto inicial, «mas também ao conforto emocional, espiritual e mesmo físico/ material de que cada utente carece», focando a sua ação na personalização dos cuidados médicos (e não só) que são prestados tendo como fim último contribuir para uma maior qualidade de vida dos utentes. «Reduzir ao máximo o desconforto que a simples presença numa unidade de saúde provoca no ser humano, é para nós tão importante quanto atender à necessidade clínica», afirmam, e para isso é colocado à disposição «um conjunto de serviços e de pessoas que vão além dos cuidados clínicos e dos profissionais de saúde». 

Investimentos na otimização dos serviços 

De forma a tornar a experiência dos utentes o mais positiva possível, a Sanfil Medicina –  GHC e as empresas operativas têm realizado investimentos intensivos na melhoria das instalações, no sentido da sua ampliação e otimização da sua funcionalidade sob ponto de vista do circuito dos utentes. Ou seja, todas as áreas de acolhimento, espera e tratamento localizam-se «de acordo com o percurso do utente», com canais de comunicações e informação acessíveis e de simples interpretação, com o contacto pessoal privilegiado na receção aos utentes. «As nossas infraestruturas são pensadas e dimensionadas de forma integradora de todos os tipos de utentes. 

Procuramos reduzir ao máximo a existência de barreiras arquitetónicas e minimizar o impacto das que são impossíveis de ultrapassar», asseveram. É com esse propósito que estão a ser realizados «fortes investimentos na reestruturação das unidades já existentes, como no Hospital S. Francisco, em Leiria, e Avenida Emídio Navarro, em Coimbra, ou na criação de novas unidades, como em Alcobaça, em parceria com a Santa Casa da Misericórdia». 

Além das instalações, todos os meios de comunicação disponibilizados, quer nas próprias instalações das unidades, quer fora, de acessibilidade remota, procuram facilitar simplificar a experiência do utente. O novo website, as newsletters, redes sociais, a utilização «dos SMS’s como meio de informação direcionado e imediato, a App, entre outros, permitem que o utente e seus familiares encontrem facilmente e de forma intuitiva o que procuram e estejam sempre acompanhados», presencialmente e à distância, pela Sanfil Medicina.

No grupo GHC, a adoção de novas tecnologias, inovação e digitalização, em paralelo com o recentrar a prestação dos serviços no utente, são, uma constante na estratégia definida para a área da saúde e «onde a implementação de tecnologias pode ajudar a reduzir o risco clínico e a usar melhor os recursos humanos e financeiros».

Neste âmbito, têm vindo a ser adquiridos novos equipamentos de diagnóstico, mais evoluídos tecnologicamente, com grandes investimentos também em infraestruturas tecnológicas e em informatização e automação de processos para os tornar mais simples e eficientes. «Assim, desde 2020 estamos a implementar soluções de teleconsulta e acesso mais intuitivo pelos nossos utentes aos nossos serviços, bem como aquisição de ferramentas que irão possibilitar análise diagnóstica e a evolução entre exames e que no médio prazo os nossos sistemas de informação possibilitem o acesso facilitado a todos os dados necessários e disponíveis para uma tomada de decisão clínica baseada numa evidência do histórico do respetivo doente», avançam. 

Sanfil Medicina promove a saúde mental e física 

Naturalmente ativa nas comunidades onde está inserida, colaborando em iniciativas das autarquias (pelo espectro normalmente alargado que têm), bem como de outras entidades públicas e privadas, na realização de rastreios de vária ordem e aconselhando ajustamentos na alimentação e nos estilos de vida, a Sanfil Medicina é parceira em diversas atividades de desporto, dinamizando, paralelamente encontros que estimulam hábitos de vida saudável» e workshops de vária ordem, com interação entre as pessoas, porque «a saúde mental tem que ser uma das nossas maiores prioridades, pois não há vida saudável sem, antes de mais, nos sentirmos bem». 


Festa de Verão da GLOBAL HEALTH COMPANY assinala os 70 anos da SANFIL MEDICINA

Foi no parque tecnológico de Coimbra que ocorreu a Festa de Verão da GLOBAL HEALTH COMPANY, um evento que promoveu o reencontro pós-pandémico do Grupo, dando a conhecer a sua sede às cerca de 700 pessoas reunidas, entre colaboradores das empresas participadas (SANFIL MEDICINA, NEFROVIDA, DIATON e SINESPAÇO) e as respetivas famílias, tendo ainda integrado as comemorações dos 70 anos da SANFIL – Casa de Saúde de Santa Filomena, a génese do Grupo.

Apesar de se tratar de uma festa interna, os líderes municipais das comunidades onde o Grupo GLOBAL HEALTH COMPANY tem atividade também marcaram presença, tendo estado presentes o Presidente da Câmara Municipal de Coimbra, Dr. José Manuel Silva, e o Presidente da Câmara Municipal de Leiria, Dr. Gonçalo Lopes. De assinalar também a presença do Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Leiria, Eng.º Carlos Poço, parceiro destacado do Grupo, que em conjunto com os demais presentes celebraram o momento. Nas suas breves intervenções, reconheceram o papel preponderante da GLOBAL HEALTH COMPANY, não só pela sua história, mas sobretudo pelo seu dinamismo e intervenção junto das comunidades, através do forte investimento no melhoramento e na inovação na prestação de cuidados de saúde. Na sua intervenção, a Presidente do Conselho de Administração da GLOBAL HEALTH COMPANY, Dra. Ana Tereso, destacou o espírito de união e a resiliência, enquanto características decisivas do Grupo.

O Balanço realizado pelos Recursos Humanos do Grupo GLOBAL HEALTH COMPANY aponta a alegria e o espírito de união que se verificou como o que mais há a destacar neste evento – “Estivemos juntos para festejar aquilo que nos une e para brindar à vida e a todos nós. Foi muito gratificante ver a alegria e os sorrisos no rosto de todos.”

Estudantina de Coimbra, HMB e Rouxinol Faduncho marcaram presença

A Festa de Verão da GLOBAL HEALTH COMPANY contou com a atuação da Estudantina de Coimbra, do ator e humorista Marco Horácio e a sua personagem Rouxinol Faduncho, da banda HMB e de um DJ set que deixou toda a gente a dançar. Além disso, também a Fily, a mascote da SANFIL MEDICINA, marcou presença fazendo o que melhor sabe fazer: distribuir sorrisos e abraços por todas as crianças.

Deixe um comentário

Outra Perspetiva

Tradição aliada à Inovação nas Línguas, Literaturas e Culturas

O Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas (DLLC) da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, reconhecido pela sua tradição...

Ciências do Desporto e Educação Física apostam na Investigação

A nova direção da Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra (FCDEFUC) completou um ano...

Inovação e Excelência, um retrato do Departamento de Química

Em entrevista, Artur Valente, diretor do Departamento de Química da Universidade de Coimbra (DQUC) explica como os cursos pioneiros da...

Ensino de Vanguarda na Engenharia Mecânica

Disponibilizar uma oferta formativa universal, que seja capaz de tornar os alunos uma referência além-fronteiras, e continuar na linha da...

Um ensino de excelência da Engenharia Química

Formar as futuras gerações de Engenheiros Químicos com uma sólida e abrangente capacidade técnica e com aptidões interpessoais desenvolvidas é...