As Geociências, Geoengenharias e Geotecnologias na Universidade de Aveiro

O Departamento de Geociências (DGeo) e a Unidade de Investigação GeoBioTec são as unidades orgânicas da Universidade de Aveiro responsáveis pela oferta formativa e de investigação & desenvolvimento na área das Geociências.

O DGeo é o Departamento da Universidade de Aveiro responsável por dar formação na área das Ciências da Terra, ao nível da licenciatura, mestrado e doutoramento. A geociências, nas suas múltiplas vertentes e aplicações, constituem os principais domínios de intervenção do DGeo, onde docentes, investigadores, funcionários e estudantes trabalham diariamente e, em articulação, para criar conhecimento sobre materiais, processos e gestão da Terra e dinamizar políticas de economia circular, sustentabilidade e gestão de recursos.

Tendo iniciado atividade em 2007, o GeoBioTec compreende cinco grupos de investigação: Evolução Litosférica; Sistemas Ambientais Complexos; Georrecursos, Geotecnia e Geomateriais; Análise de Bacias e Paleontologia; e Agrossilvicultura.

A entidade gestora do Centro é a Universidade de Aveiro, possuindo duas outras instituições: a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa e a Universidade da Beira Interior (UBI), com uma equipa composta por mais de uma centena investigadores doutorados integrados. GeoBioTec possui um conjunto de laboratórios dos mais bem equipados do país, capaz de efetuar todo o tipo de análises de águas, solos, sedimentos e rochas.

As publicações profissionais e os contratos do Centro abrangem um vasto número de tópicos, incluindo a participação em atividades nacionais e internacionais no setor de mineração e em vários projetos de investigação colaborativos e internacionais em setores académicos, públicos e privados.

As áreas de Georecursos e Geoambiente são os focos estratégicos, colaborando com alguns dos mais importantes projetos mineiros nacionais, totalmente comprometidos com as novas tendências da investigação e exploração de matérias-primas: exploração sustentável; reexploração; reutilização; reciclagem; com ênfase no desenvolvimento de novos materiais e/ou novas aplicações para materiais tradicionais; também nos campos da: geologia médica (bio e geo disponibilidade, mineralogia e geoquímica de poeiras, minerais em saúde e bem estar, águas residuais), geologia de isótopos radiogénicos (assinatura isotópica/estudos de procedência); novos georrecursos e geomateriais (geopolímeros, recursos marinhos, matérias-primas secundárias), ciências do solo (otimização da produção de alimentos por incremento da reserva mineral), geofísica e geoquímica ambientais (avaliação de risco, mudanças climáticas) e geoturismo e geopatrimónio.

O foco estratégico do GeoBioTec continuará a centrar-se na combinação da investigação aplicada e da investigação fundamental. O plano para impulsionar a atividade de divulgação/publicação e a colaboração interna, no seio do consórcio, é muito bem-vindo e várias atividades estão planeadas para envolver diferentes grupos em propostas de investigação, coordenação de estudantes de doutoramento e contratos com a indústria, estas últimas em estreita colaboração com o Departamento de Geociências da UA. A UI GeoBioTec é parceira ativa na formação inicial e de pós-graduação oferecida por esse Departamento, enquadrando a maioria da oferta de projetos de teses e dissertações de Mestrado e de Doutoramento.

Deixe um comentário

Outra Perspetiva

Tradição aliada à Inovação nas Línguas, Literaturas e Culturas

O Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas (DLLC) da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, reconhecido pela sua tradição...

Ciências do Desporto e Educação Física apostam na Investigação

A nova direção da Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra (FCDEFUC) completou um ano...

Inovação e Excelência, um retrato do Departamento de Química

Em entrevista, Artur Valente, diretor do Departamento de Química da Universidade de Coimbra (DQUC) explica como os cursos pioneiros da...

Ensino de Vanguarda na Engenharia Mecânica

Disponibilizar uma oferta formativa universal, que seja capaz de tornar os alunos uma referência além-fronteiras, e continuar na linha da...

Um ensino de excelência da Engenharia Química

Formar as futuras gerações de Engenheiros Químicos com uma sólida e abrangente capacidade técnica e com aptidões interpessoais desenvolvidas é...